Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos

Associação Filarmónica de Tarouca

Associa  o filarmonica tarouca 1 980 2500

PRESIDENTE: José Funina 

 

HISTORIAL

Como grande parte das bandas, a Banda de Tarouca terá tido origem das bandas militares, que em pouco por todo o País começaram a despontar no início do século XIX.

Há cerca de 120 anos o Sr.Lopes, que já fora executante nesta Banda contava á filha, que a banda teria sido fundada por volta de 1830. É esta transmissão oral de pais para filhos, a fonte que nos leva a crer que desde esta data a banda já animava e alegrava as gentes nas suas festas e romarias.

Tempos difíceis em que as deslocações eram feitas a pé chegando os seus elementos a passar vários dias sem vir a casa, pois as distancias não o permitiam.
Referencias nas suas passagens pela banda há-as com mais de uma centena de Anos: “ Os Telhas “ os irmãos Pereira, e na transição do século “ O Patego “ o “ Ruim “ depois o Sebastião Cardoso um autentico génio que escrevia musica como quem escreve uma carta. Nem sempre foi fácil conseguir manter a unidade desta Banda.

Aos momentos de Prosperidade sucediam outros menos bons e já no século XX nos finais dos anos 20, é interrompida a sua actividade.

Em 1933, o Sr. Manuel Oliveira (Manecas) músico na Banda do Regimento de Infantaria em Lamego, procede á restauração da mesma com o nome de Banda 1º de Janeiro. Nesta formação merece destaque o Sr. Abraão que, após a sua passagem por várias Bandas na região das Caldas da Rainha, integra a Banda de Tarouca onde se revela um eximo executante e conceituado compositor.

Em 1957 é novamente interrompida a sua actividade mas não demorou dois anos até que o Sr. Manecas de novo pegue num grupo de jovens e reinicie a acção musical naquela que até 1962 ficou conhecida na região como a “ Banda da Rapaziada”.
Após 11 anos de interregno é o Sr. Nelson Santos ex. Musico da mesma Banda que em 1973, auxiliado por uma série de músicos da terra dá novamente vida á Banda, que desde então não tem parado, e após conseguirem uma sede e a sua legalização com a actual designação em 1983, tem procurado valorizar-se quer a nível de instalações, quer a nível instrumental e humano. Em 1987 foi criada uma escola de música, cujos frutos já começaram a despontar e onde actualmente perto de duas dezenas de jovens fazem a sua iniciação musical ou trabalham o aperfeiçoamento.

Constituída põe executantes amadores (48 elementos) a Banda tem correspondido ás inúmeras solicitações que lhe são dirigidas para actuações de diversas índoles. Muitos êxitos tem obtido interpretando obras de autores mundialmente e Nacionalmente consagrados em todo o Norte Centro e Sul do Pais.
Actualmente a regência da banda continua a cargo do Maestro Nelson Santos.

A Banda tem contribuído para o enriquecimento de todo o meio musical Português, prestigiando a Associação e a Cidade de Tarouca.

3610 Tarouca, Portugal